sábado, 3 de setembro de 2016

Desportivo Brasil 3x1 VOCEM: Reviravolta do destino

(Foto: Desportivo Brasil / Divulgação)
Em sua estréia no mata-mata do Campeonato Paulista da Segunda Divisão, o VOCEM viajou até a cidade de Porto Feliz para encarar o Desportivo Brasil. E apesar de resistir a pressão dos rivais durante a maior parte do confronto, largando inclusive na frente do marcador, o Esquadrão da Fé não teve forças para impedir a virada dos anfitriões, sofrendo três gols em dez minutos. Apesar do resultado desfavorável, o clube mariano ainda tem chances de reverter seu prejuízo no duelo de volta, agendado para a próxima semana, precisando de uma vitória por dois gols de diferença para avançar às semifinais do estadual.

O jogo:

Mesmo atuando longe de seus domínios, o técnico Paulo César Santos, o PC, investiu em uma formação ofensiva, priorizando o ataque com a escalação do trio Diego Choque, Júlio César e Billy (todos acima dos 23 anos). Dessa forma o veterano Stive mais uma vez foi barrado no gol, cedendo lugar a Yuri. Na defesa Marcos Vinicius atuou em sua posição de origem, enquanto William, Foguinho e Victor Hugo ficavam encarregados da contenção no meio-campo.

Jogando no acanhado estádio Ernesto Rocco, o VOCEM teve dificuldades para segurar o ímpeto inicial do Desportivo Brasil. Tomando a iniciativa, os donos da casa se aproveitavam do campo molhado para forçar jogadas aéreas e também arriscar em lances de bola parada desde os primeiros minutos. 

Entretanto, com uma defesa bem postada e o goleiro Yuri demonstrando segurança quando exigido, o Esquadrão da Fé conseguiu segurar a pressão. E ainda assustou nos contragolpes, chegando com perigo aos 35 minutos, quando Diego Choque só parou nas mão do arqueiro adversário. Marcado de perto, o artilheiro Billy sofria com a truculência dos defensores (que passava despercebida pela arbitragem). Por outro lado, o juiz da partida pendurou já na primeira etapa a zaga vocemista composta por Erón e Marcos Vinicius.

Na volta para a etapa complementar os marianos quase foram surpreendidos nos primeiros instantes em uma desatenção da marcação. Buscando fazer valer o fator casa, o Desportivo Brasil continuou incomodando em cobranças de falta. Com intervenções precisas, Yuri brilhou em mais de uma ocasião nesse sentido, sendo salvo também por uma bola na trave.

Tentando imprimir maior velocidade no setor ofensivo, o técnico PC mandou à campo Dieguinho no lugar de Júlio César. A alteração surtiu efeito e, após sobra em tiro de canto, Diego Choque surgiu para estufar as redes adversárias aos 24 minutos. Pouco tempo depois o time bordô e branco poderia ter ampliado sua vantagem, mas a arbitragem assinalou impedimento duvidoso em gol de Victor Hugo.

Com cerca de meia hora de jogo o zagueiro Erón recebeu o segundo cartão amarelo após uma falta frontal, deixando o VOCEM com apenas dez homens em campo. Começava aí a derrocada da equipe assisense, Na cobrança o experiente Edson Pio bateu com maestria e empatou a peleja, deixando estático o goleiro bordô e branco. Cinco minutos depois, após bola alçada, Paulo Henrique garantiu a virada live dentro da área. Aos 41 minutos, depois de boa tabela pelo meio, Romarinho ainda ampliou a vantagem, complementando o nocaute vocemista.

Duelo de volta

No próximo domingo (11/09), às 10 horas, o Esquadrão da Fé recebe o Desportivo Brasil para o confronto de volta no Tonicão. Como teve melhor campanha ao longo das duas fases iniciais, o VOCEM garante a classificação caso vença por dois gols de diferença.

Para essa partida o clube deve distribuir 5 mil ingressos através do programa Futebol Sustentável (que consiste na troca de duas garrafas pet por uma entrada). A previsão inicial é de que promoção comece na terça-feira, após o almoço, no estádio Antônio Vianna Silva. A diretoria mariana deve confirmar maiores informações no início de semana através da mídia local e também de suas redes sociais.

Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário: